pt

A Viscossuplementação e o papel do ácido hialurónico no tratamento de artroses.

Com a viscossuplementação é possível repor os níveis de ácido hialurónico e melhorar a qualidade de vida de quem vê o seu dia a dia afectado por artroses.

Uma das consequências do processo degenerativo das articulações é a deterioração do líquido sinovial. Localizado entre as cartilagens articulares, que revestem as extremidades ósseas, é essencial a uma mobilidade suave e indolor. Da sua composição faz parte o ácido hialurónico que atua como lubrificante e facilitador na absorção de impactos que atingem as articulações. Mas, em presença de artropatologias, as suas propriedades vêm-se muito diminuídas.

O que são exactamente as artroses?

As artroses, ou osteoartroses, são o resultado da degeneração das articulações, a qual ocorre de forma mais, ou menos, progressiva. Embora sejam as patologias articulares mais comuns, quando evoluem para estados graves, podem tornar-se incapacitantes. 

O processo de deterioração da articulação é desencadeado por um desgaste acentuado da cartilagem articular, seguido de deformação óssea e da alteração da composição natural do líquido sinovial* intra-articular. Esta degradação origina dor, rigidez e, inclusivamente, incapacidade funcional. Pode também existir edema (inchaço) quando há um aumento do líquido sinovial devido a inflamação – a hidrartrose, vulgarmente conhecida como “água no joelho”.

Quem é afectado por artrose? 

Por serem muito frequentes em pessoas com mais de 65 anos, as artroses são associadas sobretudo a idades mais avançadas. Contudo, também os praticantes de desporto – nomeadamente, desportos de contacto como futebol, rugby ou basquete – estão particularmente sujeitos ao desenvolvimento de artroses, devido aos traumatismos e lesões de repetição que promovem o processo degenerativo.

Além disso, existem diversos factores de risco a considerar também, e de origens tão dispares como genética, bioquímica, metabólica ou mecânica.

Viscossuplementação, o que é?

É um tratamento pouco invasivo e de rápida recuperação que consiste numa injeção intra-articular de ácido hialurónico.

 O ácido hialurónico é uma substância de elevada viscosidade, naturalmente presente no nosso organismo e com a capacidade de reter água. Maioritariamente presente na nossa pele, encontra-se também nos olhos, nas cartilagens e no líquido sinovial das articulações. Na ausência de anomalias, o ácido hialurónico presente nos nossos tecidos actua como lubrificante e absorve choques em partes móveis do corpo como as articulações. Todavia, em presença de artropatias, a sua concentração e qualidade diminuem consideravelmente.

Assim, o objectivo da viscossuplementação é a reposição de ácido hialurónico em articulações deterioradas, até a um nível equivalente ao existente em articulações saudáveis. Deste modo, é possível restabelecer as propriedades lubrificantes, condroprotetoras e anti-inflamatórias do líquido sinovial, bem como abrandar o processo de degeneração articular.

Quais as vantagens da viscossuplementação?

Para além dos seus efeitos analgésico, antioxidante e condroprotector, pode, em alguns casos, atrasar ou evitar o recurso à cirurgia. Dependendo da gravidade de cada caso, ou seja, do nível de degeneração articular presente, o alívio da dor pode durar até seis meses.


Quando associada a um plano de reabilitação personalizado, possibilita muitas vezes um ganho importante de mobilidade, nomeadamente pelo aumento da flexibilidade e da força muscular e, consequentemente, numa melhoria considerável da qualidade de vida do paciente. 

Quando é aconselhada a viscossuplementação?

A infiltração com ácido hialurónico é particularmente aconselhada para pacientes com artrose sintomática, de preferência em fase inicial, e com sintomas de dor, rigidez ou edema da articulação. Também podem beneficiar deste tratamento atletas de alta intensidade e doentes para quem a cirurgia, embora necessária, é contraindicada por outros factores. 

Cuidados antes e depois do tratamento com viscossuplementação

.A Viscossuplementação terá de ser prescrita pelo seu médico ortopedista. Mediante essa indicação, o tratamento é realizado em ambulatório, seguindo todos os cuidados de assepsia e higienização.

Não é necessário qualquer tipo de preparação prévia à viscossuplementação.

Já após o tratamento, é importante a aplicação de frio/gelo na zona intervencionada. 

Geralmente, os pacientes podem retomar as suas actividades normais imediatamente após o procedimento. No entanto, nos dois dias seguintes, devem ser evitados esforços físicos que impactem a área tratada.

No caso de atletas, uma vez tratada a inflamação, deverão complementar o tratamento com fisioterapia e fortalecimento muscular, de forma a proteger a região e evitar futuras lesões. 

Se apresenta algum dos sintomas referidos ou outro tipo de queixa ao nível articular, não hesite em ter uma opinião especializada. Contacte-nos para agendar uma consulta numa das nossas especialidades de Ortopedia.

*O líquido sinovial é um dos elementos do sistema locomotor, a par dos ossos, músculos, ligamentos, tendões e articulações. Tem como funções principais a lubrificação das estruturas articulares móveis e o transporte de nutrientes para a cartilagem articular, proporcionando uma mobilidade suave e sem dor.

Deixa uma resposta